Iluminadores 3.0

Os bons profissionais de iluminação são reconhecidos quando o seu trabalho ultrapassa a fronteira do usual e atinge o estado da arte. Como todo artista, o iluminador também precisa de muito estudo e dedicação para dominar a tecnologia em nível de excelência.

Entretanto, antes dos softwares para controle e edição da iluminação essa técnica não podia ser facilmente ensinada ou transmitida, simplesmente porque os profissionais não possuíam uma linguagem universal, então cada um fazia seus desenhos, planilhas e mapas e operava à sua maneira.

Hoje é diferente, não existe a necessidade de operar a iluminação através de uma mesa gigantesca com centenas de botões; softwares como o Sunlite, da Nicolaudie controlam três (ou mais) universos DMX utilizando uma interface e um computador.


Raudryn Gusmão, da RG produções, é iluminador e faz toda a programação de seus eventos através do Sunlite. Ele elabora todo o projeto em 3D, cria os cenários e a programação de luzes de acordo com o repertorio da banda, antes mesmo dos equipamentos estarem instalados.

Para ele, este é o grande diferencial na produção de um evento. “Desde o inicio eu já desenha o projeto de iluminação no computador para poder mostrar para meu cliente como seria o evento, mas quando conheci o Sunlite, fiquei maravilhado com a sua infinidade de recursos”, conta Raudryn.



Ele admite que no início sentiu um pouco de dificuldades para entender a linguagem do Sunlite, mas que com o tempo e a prática, deixou de utilizar outros programas e passou a fazer tudo no software distribuído pela Gobos do Brasil.


Alguns profissionais de iluminação ainda têm medo de utilizar esta tecnologia por não entender como funciona, mas Raudryn compara essa inovação ao avanço das lâmpadas de LED. “Quem trabalha a alguns anos na área, viu a rápida substituição dos refletores PAR de lâmpadas halogênas pelos refletores de LED, que consomem muito menos energia e ainda produzem uma variada gama de cores”, Raudryn acredita que a mesma coisa acontecerá com os operadores de iluminação. “Com certeza isso é o futuro, ainda mais com os tablets e outras plataformas que estão se tornando mais acessíveis” afirma o técnico de iluminação.

Raudryn já produziu diversos DVDs para bandas e ele justifica isso ao uso do software. “Todo show precisa de um roteiro, principalmente na gravação de um DVD. Quando elaboro um projeto, penso no repertório, na iluminação, na posição das câmeras e dos músicos no palco, isso tudo ainda no escritório e quando mostro o projeto para meu cliente ele fica abismado”.


É isso é o que todo cliente quer, ter a segurança de que tudo acontecerá corretamente de forma planejada e sincronizada. Para Raudryn não existe trabalho grande ou pequeno, “posso fazer um planejamento real dos recursos disponíveis, adequando o projeto de acordo com o orçamento do meu cliente”.

Raudryn será um dos palestrantes da Ligthing Week Brasil em 2011 e vai ensinar a elaborar um bom projeto de iluminação com o Sunlite, com simulações em 3D e também como utilizar o programa em seus eventos.

Informativos semanais

Informativo Gobos do Brasil
facebook Ano 1 - Edição 03

Gobos no BBB11

A Gobos do Brasil possui diversos clientes e parceiros por todo Brasil; A Oficina da Luz, do Rio de Janeiro, é uma delas, que foi contratada pela emissora Rede Globo para realizar a iluminação cenográfica do programa Big Brother Brasil 11. A Oficina da Luz encomendou gobos personalizados com imagens dos personagens do programa, que foram projetados ao redor do
apresentador Pedro Bial. Os gobos foram instalados em aparelhos movings Giotto Spot 400. No dia 16 de janeiro de 2011, quando o programa foi ao ar, o Ibope registrou 22 pontos de audiência, o equivalente a 1,32 milhões de pessoas assistindo ao programa em todo o país.

É incomensurável a exposição de uma marca ou de um produto em apenas um minuto na televisão. Por isso, temos muito orgulho em dizer que nosso trabalho está sendo bem visto em todo o Brasil. Parabéns a toda equipe da Oficina da Luz!

Gobos na novela Passione


Freqüentemente encontramos equipamentos da Gobos do Brasil em shows, eventos e programas de TV.

Durante o emocionante episódio final da novela Passione, da Rede Globo, o casal Clô e Olavo se reconciliaram em cima de uma pista iLED Dance Floor, da Gobos do Brasil, locada pela empresa Two Lights. Neste dia a emissora obteve 52 pontos no Ibope, em torno de 3,12 milhões de telespectadores!

A Two Lights também já realizou locações da pista iLED Dance Floor para os programas Caldeirão do Hulk, Os Caras de Pau e Domingão do Faustão. Parabéns à todos da Two Lights!